1

CRISPR pode agora ser usado para edição genética de bases individuais

MIT desenvolve uma nova versão do CRISPR-Cas9, agora um sistema de edição genética mais preciso que poderá contribuir para o tratamento de doenças hereditárias. “(…) when the goal is to simply fix a point mutation, base editing offers a more efficient and cleaner solution” afirmou em vídeo-conferência David Liu, o cientista americano que levou a cabo a investigação.

Sabe mais aqui.

Arquivo de Notícias